A Vida Como Um Texto

Posso escolher, na história de vida, ser o autor ou o ator do roteiro escrito especialmente para mim, a um momento atrás era apenas uma folha em branco, depois vieram as letras, vírgulas, reticência, exclamações, interrogações e um sinistro ponto final, depois desse só conseguia enxergar espaços vazios, incertezas, ausência e solidão. Mas sorte a minha, ainda poder nas folhas passadas, reler os poemas, ir aos lugares favoritos, reencontrar os velhos amigos e passear pela minha infância. Neste emaranhado de palavras e pontuações, embora tenha consciência de que nunca escreverei a minha palavra “final”, aos pouco as folhas foram sendo preenchidas, corrigidas e redigidas, letra à letra, espaço à espaço e encontrando novas inspirações, dando um sentido ao tempo, o livro da vida, esperançoso que o seu conteúdo poderá servir de exemplo e ser eternizado ou perpetuar o esquecimento.” 

2 comentários sobre “A Vida Como Um Texto

    1. Realmente, Silvia, a essência provocativa do texto é a reflexão, a possibilidade de cada um enxergar o melhor de si e, quem sabe, promover uma transformação.
      Obrigado por estar aqui, comigo.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s